X
28abr

Seguradoras vão constituir Fundo Solidário no valor mínimo de 1,5 milhões de euros

| Return|

Lisboa, 28 de abril de 2020 - As empresas de seguros que operam em Portugal vão formalizar a constituição de um Fundo Solidário na Associação Portuguesa de Seguradores, no valor inicial de 1,5 milhões de euros, que se destinará a financiar a atribuição de compensações extraordinárias, de natureza excecional, a familiares de um conjunto de profissionais que, durante o período do Estado de Emergência e no exercício da sua profissão ou de missão voluntária, tenham testado positivo a doença COVID-19 e, em consequência dela, tenham falecido ou venham a falecer.

O universo de pessoas abrangidas contempla, além dos profissionais da área da saúde, os profissionais das forças e serviços de segurança e de socorro, incluindo os bombeiros voluntários e os profissionais das Forças Armadas, da emergência médica e da proteção civil, e ainda os profissionais e voluntários das atividades de apoio a lares de idosos e dos serviços funerários.

Embora nada compense a perda de uma vida, esta é uma forma do setor segurador manifestar o seu agradecimento pelo desempenho extraordinário destes profissionais que, por causa da rapidez com que esta pandemia se alastrou, desempenharam por vezes essas funções sem que tivesse sido possível implementar as melhores condições de proteção pessoal, estando por isso mais expostos ao risco de contrair a doença, sem nunca terem deixado de se empenhar e dedicar à nobre função de proteger, tratar, acolher e confortar os outros.

Os seus familiares mais diretos poderão assim contar com um apoio solidário extraordinário por parte do setor segurador, com o objetivo de os ajudar, num momento particularmente difícil, a reorganizarem as suas vidas e a fazer face a necessidades mais imediatas. 

A definição das condições, critérios e forma de aceder a este apoio estão em fase de finalização e serão divulgados muito brevemente.

Tal como já sucedeu no passado, as seguradoras assumem um compromisso para com o país,  e em especial para com as pessoas mais atingidas pela atual situação, sejam ou não clientes de seguros, através de um conjunto de ações de solidariedade individual, a que se junta agora mais esta ação coletiva.

---

Related

COVID-19 – Fundo Solidário do setor segurador: Seguradoras alargam o âmbito para a atribuição das compensações

As empresas de seguros que operam em Portugal, decidiram alargar as situações abrangidas pelo apoio ...

Read More >

COVID-19 – Fundo Solidário do setor segurador: Seguradoras já definiram os critérios para atribuição das compensações

Lisboa, 06 de maio de 2020 - As empresas de seguros que operam em Portugal constituíram um Fu...

Read More >

A Associação Portuguesa de Seguradores é uma associação sem fins lucrativos, constituída nos termos da lei para defesa e promoção dos interesses das empresas de seguros e resseguros. O conjunto dos Associados da APS representa atualmente mais de 99% do mercado segurador, quer em volume de negócios, quer em efetivos totais empregados.